O Brasil é um pais ensolarado que despreza a energia solar


Central solar da Amareleja. Foto do Blog Energias Renováveis.

[Por Henrique Cortez, do EcoDebate] O Brasil é um país especialmente dotado de luz solar disponível, mas não sabe aproveitar este recurso renovável e limpo. No máximo usamos a energia solar para aquecimento de água e, ainda assim, em pequena escala e sem qualquer programa oficial de apoio ou subsídio.

Ao contrário de nós, outros países já estão investindo pesadamente em energia fotovoltaica e em energia termosolar com tecnologia de torre.

Em Portugal, no município de Moura, na região do Alentejo, no final de 2008, entrou em operaçãoa central fotovoltaica solar da Amareleja, com uma capacidade total de 93 MW, o suficiente para abastecer 30 mil residências. A região onde a central foi construída foi escolhida por ser a mais ensolarada de Portugal.

central termosolar Soluca PS10
central termosolar Soluca PS10

Na Espanha, a central termosolar Soluca PS10, nos arredores de Sevilha, produz 11 MW, abastecendo 6 mil residências. Esta central é a primeira termosolar em operação comercial na Europa.

Nos EUA, no estado de Nevada, a central termosolar por parabólicas, Nevada Solar One , produz 64 MW, mas não é a maior em operação.

A central termosolar por parabólicas Solar Energy Generating Systems, no deserto de Mojave, Califórnia, produz 354 MW, distribuídos em 9 unidades de produção. É a maior central solar em operação no mundo.

A região do Mojave possui, em média, 270 dias de sol ao ano e o deserto de Nevada possui uma média de 210 dias de sol ao ano. Ambos são valores comparáveis a diversas regiões do Nordeste brasileiro, em especial no semi-árido.

Ao argumento de que é uma energia cara, pode-se responder que é mais barata do que a energia, de acordo com o governo espanhol, que decidiu por uma moratória nuclear, concentrando os investimentos na energia solar e eólica.

A construção de uma central solar é mais rápida e mais barata do que uma grande hidrelétrica, com custos equivalentes a uma PCH.

Se for mais barata na Espanha, não teria porque ser mais cara no Brasil. Se o governo, através do BNDES, pode ‘apoiar’ os megaempreendimentos hidrelétricos, também pode fazer o mesmo com a energia solar.

Vejam as fotos abaixo e conheçam um pouco mais sobre o que já está sendo feito pelo mundo. Também sugerimos que leiam a matéria “A energia solar do deserto é a solução para a crise energética da Europa?” de 03/05/2008

O Brasil só não é uma potencial mundial em energia solar porque o governo e as empreiteiras não querem.

Para acessar outras fotos da central termosolar Soluca PS10 clique aqui.

[EcoDebate, 02/03/2009]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate
Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta que envie um e-mail para newsletter_ecodebate-subscribe@googlegroups.com . O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

3 Responses to O Brasil é um pais ensolarado que despreza a energia solar

  1. Todos os anos, o governo brasileiro possibilita a construção de milhares de casas populares. Essas dotadas de infraestrutura básica, por exemplo, água, rede de esgoto e energia elétrica. Depois, mais adiante as milhares de famílias se assustam com a conta de luz e água. Ao mesmo tempo, o mesmo governo elabora campanhas educativas no sentido de que a sociedade saiba reduzir o consumo de energia e água. A maioria das famílias não gasta muito, na verdade, elas é que ganham pouco.

    Bem, mas esse tipo de comentário não vai adiantar nada, por isso e mesmo acreditando só um pouquinho ousamos em sugerir o que segue: na construção dos loteamentos com casas populares adotar sistema de captação de águas pluviais e sistema de captação de energia solar? Eu acredito que ao adotar essa mudança de comportamento, logo daria para perceber a economia. Tanto no caso da água captada quanto ao da energia solar, economizaríamos água e energia elétrica, pois são fatores que interdependem.

    Os brasileiros são tão capazes quanto aos europeus, portanto, nos resta acreditar.

  2. Pingback: What the Other Guy Blogs About: Why Isn’t Brazil a Solar Power? | The Temas Blog

  3. Vera Pagani disse:

    Muito bom o post. Bastante interessante o texto. Parabéns.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: