Arquivo diário: julho 13, 2009

Os reais ‘custos’ de manter o aquecimento global médio em no máximo 2ºC, por Henrique Cortez

A imagem ilustra uma das consequências da elevação do nível do mar, na qual a região do Delta do Mississippi sofreria com o alagamento de uma área de 13.500 Km2, o que seria equivalente a 10% da área do estado da Louisiana. Por Blum and H. Roberts
A imagem ilustra uma das consequências da elevação do nível do mar, na qual a região do Delta do Mississippi sofreria com o alagamento de uma área de 13.500 Km2, o que seria equivalente a 10% da área do estado da Louisiana. Por Blum and H. Roberts

[EcoDebate] Na reunião realizada, recentemente, em L’Áquila, as 17 maiores economias decidiram empreender esforços para manter o aquecimento global médio em no máximo 2ºC, tido como o limite máximo aceitável. Pode até parecer um avanço em relação às resistências anteriores, mas deve ser visto com cuidado, principalmente porque este limite também significa severos impactos sociais e ambientais.

Na prática, o ‘consenso’ reconhece o que a comunidade científica já destaca como irreversível. O CO2 acumulado na atmosfera, somado às emissões previstas até 2020, já serão suficientes para conduzir o planeta para um aquecimento de 2ºC. Os maiores emissores, portanto, apenas reconheceram o óbvio.

Continuar lendo