Segurança Alimentar Global: Manter a segurança alimentar do campo à mesa

[Por Henrique Cortez, para o EcoDebate] Problemas de segurança alimentar podem surgir em qualquer um dos múltiplos estágios de produção de alimentos, e as doenças que deles resultam muitas vezes não são detectadas ou comunicadas, segundo um novo relatório da Academia Americana de Microbiologia.

O relatório “Global Food Safety: Keeping Food Safe from Farm to Table” [Segurança Alimentar Global: manter os alimentos seguros da fazenda à mesa, em tradução livre] é baseado em uma reunião da academia em 2009. Osparticipantes do Colóquio, com experiência em microbiologia, saúde pública, ciência dos alimentos e economia, analisaram o estado atual das coisas na segurança microbiológica dos alimentos em todo o mundo.

O caminho da produção de alimentos para o consumo é cada vez mais complicada. Cada prato de comida pode conter ingredientes de vários países, cada um dos quais pode ter passado através de instalações de processamento diferentes, e podem ter sido manipuladas por atacadistas, varejistas e empresas de transporte, antes de, finalmente, chegar a prateleira do consumidor ou geladeira. Nenhuma agência regula todas as etapas deste processo.

[Leia na íntegra]